Card image
Competições
MotoGP: Repsol Honda faz 25 anos e mostra equipe

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 28/01/2019
  • Atualizado: 28/01/2019 às 11:08
  • Por: Carlos Bazela

A Repsol Honda, time da marca japonesa que compete na MotoGP, aproveitou seu aniversário de 25 anos para revelar a roupagem que a RC213V utilizará nesta temporada e fazer o lançamento oficial da equipe, que terá Marc Márquez e Jorge Lorenzo como pilotos.

No visual, a moto campeã segue sem mudanças marcantes. A Roupagem continua com a predominância do tom laranja e partes em vermelho e branco. Na dianteira, ainda há uma asa aerodinâmica em forma de auréola, que a marca vem desenvolvendo desde a última temporada e agora foi incorporado de vez ao protótipo.

Honda, MotoGP, RC213V, motovelocidade, moto, Mundial de Motovelocidade, Repsol Honda, HRC, Marc Marquez, Jorge Lorenzo, Dream Team, Tetsuhiro Kuwata, Catar, Sepang, Malásia, 25 anos Repsol Honda, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online

Veja também:
MotoGP: Veja a nova Ducati Desmosedici GP 2019
Jorge Lorenzo passa por cirurgia
Dani Pedrosa passa por cirurgia com células-tronco

A máquina com motor de quatro cilindros em V e 1.000 cm³ tem mais de 240 cv de potência máxima, segundo a Honda, e, como outras motos do grid, traz componentes de grife, como as suspensões Öhlins e o freio dianteiro Brembo feito em fibra de carbono, substituído por um disco de aço Yutaka em dias de chuva.

Honda, MotoGP, RC213V, motovelocidade, moto, Mundial de Motovelocidade, Repsol Honda, HRC, Marc Marquez, Jorge Lorenzo, Dream Team, Tetsuhiro Kuwata, Catar, Sepang, Malásia, 25 anos Repsol Honda, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online

Tetsuhiro Kuwata, diretor da HRC, divisão de competições da Honda, mostrou entusiasmo com o time apresentado. “Hoje, estamos felizes em revelar a nova equipe Repsol Honda com dois pilotos que demonstraram a excelência em todas as áreas que os pilotos precisam para ser os melhores. A equipa da Repsol Honda está sempre à procura desta excelência e é nosso dever dar aos pilotos o melhor que podemos”.

O campeão Marc Márquez aproveitou o momento para falar do bom relacionamento com a equipe, a quem considera uma família. “É um privilégio fazer parte da família que é a equipe da Repsol Honda. Quando eu era jovem e assistia corridas do sofá da minha casa, queria estar aqui usando essas cores”, brincou o piloto, que irá pilotar a RC213V em suas novas cores no começo de fevereiro, nos testes em Sepang, na Malásia.

Honda, MotoGP, RC213V, motovelocidade, moto, Mundial de Motovelocidade, Repsol Honda, HRC, Marc Marquez, Jorge Lorenzo, Dream Team, Tetsuhiro Kuwata, Catar, Sepang, Malásia, 25 anos Repsol Honda, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online

Já Jorge Lorenzo, que se recupera de uma cirurgia no pulso, mais uma vez não perdeu chance para dizer o quanto é bom ser ouvido em uma equipe. “No teste de Valência, eu tinha muitas pessoas ao meu redor ouvindo o que eu estava dizendo. É um sonho para qualquer piloto fazer parte deste time”, disse. O piloto ainda prometeu focar em sua recuperação e fazer bonito na pista. “Quero poder mostrar na pista que nós somos mesmo esse Dream Team que as pessoas estão falando”, finalizou. A primeira corrida da MotoGP em 2019 será dia 10 de março, em Losail, no Catar.

Honda, MotoGP, RC213V, motovelocidade, moto, Mundial de Motovelocidade, Repsol Honda, HRC, Marc Marquez, Jorge Lorenzo, Dream Team, Tetsuhiro Kuwata, Catar, Sepang, Malásia, 25 anos Repsol Honda, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online