Card image
Competições
Recordes históricos no GP da Itália da Moto2

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 05/06/2019
  • Atualizado: 06/06/2019 às 15:23
  • Por: Willian Teixeira

Disputado no último domingo, dia 2 de junho, o GP da Itália registrou dois novos recordes para a história da Moto2, categoria em que todos os pilotos competem com motos equipadas com motores triplos de 765 cm³ da Triumph.

A prova, realizada no tradicional circuito de Mugello, teve como vencedor Alex Márquez, que obteve sua segunda vitória consecutiva na temporada.

Álex Márquez

Veja também:
Petrucci segura Márquez e vence pela primeira vez na MotoGP
Moto2: Márquez vira líder no início e vence em Mugello
Moto3: Arbolino bate Dalla Porta por 0s029 e vence na Itália

O piloto espanhol voltou a vencer provas seguidas pela primeira vez em cinco anos, feito que não acontecia desde 2014, quando ele ainda estava na Moto3.

Os recordes

A primeira marca foi registrada por Nicolo Bulega, da equipe Sky Racing Team VR46. Durante o segundo treino livre, o piloto italiano conseguiu atingir a velocidade de 300 km/h em uma motocicleta da Moto 2, feito inédito na categoria.

Já nos treinos qualificatórios, Marcel Schrotter conseguiu registrar a volta mais rápida da história da categoria em Mugello.

O alemão da equipe Dynavolt Intact GP conquistou a pole position para o GP da Itália com o tempo de  1min51s129, quase um segundo mais rápido do que o antigo recorde, que pertencia ao suíço Tom Luthi.

A próxima etapa da Moto2 será o GP da Catalunha, em Barcelona, na Espanha, no dia 16 de junho.