Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

MotoGP, Mundial de Motovelocidade, motos, motovelocidade, competições, Suzuki, Suzuki Ecstar, Montmeló, Catalunha, Espanha, Américas, Aprilia, GSX-RR, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo, Honda, Ducati, Yamaha, Movistar, Repsol, Pramac, Avintia, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Tito Rabat, Cal Crutchlow, Valentino Rossi, Hafizh Syahrin, Johann Zarco, Danilo Petrucci, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Assen, corrida, Holanda, liderança, Áustria, Spielberg, Brno, República, Checa, Grã-Bretanha, Silverstone, Salzburg, 1980, cancelado, GP cancelado, GP da Inglaterra cancelado

Chuva cancela MotoGP na Inglaterra

Autor: Carlos Bazela


MotoGP, Mundial de Motovelocidade, motos, motovelocidade, competições, Suzuki, Suzuki Ecstar, Montmeló, Catalunha, Espanha, Américas, Aprilia, GSX-RR, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo, Honda, Ducati, Yamaha, Movistar, Repsol, Pramac, Avintia, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Tito Rabat, Cal Crutchlow, Valentino Rossi, Hafizh Syahrin, Johann Zarco, Danilo Petrucci, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Assen, corrida, Holanda, liderança, Áustria, Spielberg, Brno, República, Checa, Grã-Bretanha, Silverstone, Salzburg, 1980, cancelado, GP cancelado, GP da Inglaterra canceladoO Grande Prêmio da Inglaterra entrou para a história da MotoGP e do Mundial de Motovelocidade, mas, não foi por um bom motivo. A forte chuva que caiu sobre o circuito de Silverstone no último domingo, dia 26, forçou a direção da prova a cancelar esta etapa do campeonato, algo que não acontecia desde o GP de Salzburg, na Áustria, em 1980.

“Era óbvio que as condições da pista não eram seguras. Depois de uma consulta com os pilotos, atrasamos a largada para ver se as condições melhorariam”, disse o diretor de prova Mike Webb. “Chegamos ao ponto em que, embora a chuva estivesse diminuindo, o circuito ainda não estava em condições para uma corrida com segurança. Então, tomamos a decisão muito difícil e lamentável de cancelar”, reiterou.

Veja também:
MotoGP: Cal Crutchlow renova com a Honda até 2020
Equipes da futura “MotoGP elétrica” já estão definidas
Lorenzo vence na Áustria e fica mais perto do topo

As corridas não deixaram de acontecer por falta de tentativas. Primeiro, a largada foi adiada para as 11h30 da manhã no horário local. Depois, para 14h e, por fim, uma nova inspeção foi feita às 15h para um possível início das três corridas às 16h, começando pela MotoGP. Como o tempo não melhorou, o GP foi cancelado para a tristeza dos fãs espalhados pelo mundo todo.

MotoGP, Mundial de Motovelocidade, motos, motovelocidade, competições, Suzuki, Suzuki Ecstar, Montmeló, Catalunha, Espanha, Américas, Aprilia, GSX-RR, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo, Honda, Ducati, Yamaha, Movistar, Repsol, Pramac, Avintia, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Tito Rabat, Cal Crutchlow, Valentino Rossi, Hafizh Syahrin, Johann Zarco, Danilo Petrucci, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Assen, corrida, Holanda, liderança, Áustria, Spielberg, Brno, República, Checa, Grã-Bretanha, Silverstone, Salzburg, 1980, cancelado, GP cancelado, GP da Inglaterra canceladoEm seus perfis no Instagram, os pilotos lamentaram e agradeceram o apoio dos fãs. “Corrida cancelada. Nós somos os primeiros a querer correr, mas segurança é a prioridade”, disse Marc Márquez, da Repsol Honda. Cal Crutchlow, da LCR Honda, também lamentou. “Estou devastado por não correr no GP que acontece na minha terra. Nada que eu diga vai fazer a situação melhor, mas obrigado aos fãs por serem pacientes e aos fiscais por esperar”.

Jorge Lorenzo, da Ducati, que iria largar na pole, foi um homem de poucas palavras. “Sem corrida hoje… Obrigado a todos os fãs britânicos pelo apoio. Vejo vocês em Misano!”,  disse o piloto espanhol sobre a próxima etapa do Mundial, O GP de San Marino, em 09 de setembro.

Fotos: Ducati

Comentários


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!