Card image
Notícias
Vespa seminova é sucesso entre saudosistas

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 21/11/2017
  • Atualizado: 21/11/2017 às 18:18
  • Por: Carlos Bazela
Versão gigante da PX 200 exposta no museu da Piaggio, na Itália

A Vespa voltou ao Brasil depois de 30 anos como modelo de nicho, o que deve reduzir consideravelmente a popularidade do scooter em termos de volume de vendas. Entretanto, no mercado de seminovas o scooter mais famoso do mundo vai bem, obrigado. De acordo com dados divulgados pela OLX, plataforma de vendas online para diversos produtos, entre janeiro e outubro deste ano, foram vendidas 178 unidades da Vespa por meio da plataforma.

De acordo com a OLX, o Estado de São Paulo é quem lidera o ranking das vendas do scooter, seguido por Rio de Janeiro e Minas Gerais. A plataforma ainda apurou que o modelo mais popular é justamente a PX 200, ícone oitentista no Brasil, com 121 unidades negociadas.

E é justamente nesse sucesso do modelo antigo que a marca está se baseando para tentar mais uma vez emplacar suas vendas por aqui. “O mercado nos pedia uma moto que tivesse esse sabor do passado, que o dono lembrasse do pai”, disse Giuseppe De Paola, presidente da Asset Beclly Piaggio-Vespa, empresa responsável pela importação e vendas dos modelos italianos no Brasil durante entrevista concedida à MOTOCICLISMO no Salão Duas Rodas. A resposta da marca a este pedido foi a Classic VXL 150, modelo de 150 cm³, cujo preço no País é de R$ 18.500.