Faixa-Azul_Leon-Rodrigues-SECOM-PMSP
Notícias

Venda de motos cresce 16,1% em 2023; Setor projeta nova alta em 2024

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 04/01/2024
  • Por: Willian Teixeira

As vendas de motos em 2023 se encerraram com um crescimento de 16,1% sobre o resultado obtido em 2022, avançando de 1,36 milhão para mais de 1,58 milhão de unidades. As informações foram apresentadas nesta quinta (4) pela Fenabrave, a associação que representa os concessionários de veículos no Brasil, e indicam o maior volume em vendas em 11 anos.

Segundo a entidade, a expansão nas vendas de motos foi um pouco menor do que a esperada em função dos problemas de abastecimento de produtos, dentre eles a seca em Manaus, que afetou o escoamento da produção para as revendas. Em sua última projeção, feita em outubro, a Fenabrave estimava 1,6 milhão de motos emplacadas em 2023. Apesar disso, a associação ressalta que o segmento de motos foi o grande destaque em emplacamentos no ano.

Vendas de motos crescem 16,1% em 2023; Setor projeta nova alta em 2024
Faixa Azul em São Paulo (Foto: Arquivo)

“As motocicletas tem ampliado sua importância no sistema de mobilidade dos brasileiros. É uma forma econômica de transporte individual e perfeita para entrega de pequenos objetos em cidades de todos os portes”, declarou o presidente da Fenabrave, Andreta Jr. Segundo o executivo, as vendas de motos tem potencial para continuarem crescendo, desde que ocorra uma melhora na concessão de crédito.

LEIA MAIS:

Confira 24 motos que podem surgir no Brasil em 2024
Os 12 principais lançamentos de motos no Brasil em 2023
Yamaha Lander e mais 9: as motos 0km mais buscadas na web em 2023

A entidade projeta que em 2024 o segmento de duas rodas manterá o ritmo, e deve superar a marca de 1,8 milhão de unidades negociadas, o que representará um avanço de 16% sobre o total de emplacamentos de 2023.

Vendas de motos crescem 16,1% em 2023; Setor projeta nova alta em 2024
Concessionária Ducati (Foto: Arquivo)

Vendas de motos avançam em dezembro

Em dezembro, o segmento de duas rodas contabilizou 132.752 unidades lacradas, uma leve alta de 0,5% sobre o total registrado em 2022, quando foram licenciadas 132.148 motos. Já na comparação com novembro, houve um avanço de 1,8%.

Motos elétricas também expandem participação

Por fim, o segmento de motos elétricas totalizou 8.374 unidades emplacadas ano passado, registrando 15% de crescimento nas vendas em relação a 2022, segundo o balanço da Fenabrave.

Vendas de motos crescem 16,1% em 2023; Setor projeta nova alta em 2024
Motos elétricas também expandiram participação em 2023 (Foto: Arquivo)
Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]