Planta Manaus da BMW investe em energia solar para 2024
Notícias

Planta Manaus da BMW investe em energia solar para 2024

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 12/12/2023
  • Por: Redação

Em plena região amazônica, a fábrica do BMW Group, em Manaus, encontrou uma forma de impulsionar a sustentabilidade em sua produção: em 2024, a planta, única fora da Alemanha a fabricar motos BMW Motorrad de forma exclusiva, instalará uma cobertura de placas de energia solar com área aproximada de 1,2 mil m².

Ao todo, serão utilizados 550 módulos fotovoltaicos, com potência máxima prevista de 275 kWp. De acordo com as especificações técnicas do projeto, o fornecimento será de aproximadamente 30% da atual demanda energética da unidade fabril, o que equivaleria à fabricação de cerca de 5.000 motos, considerando a capacidade anual de produção de 17.000 unidades.

“Nós começamos com uma tentativa pequena, 15 módulos instalados no estacionamento, e agora daremos um passo maior a esse projeto. A expectativa é de que, em 25 anos, mais de 2.000 toneladas de CO² deixem de ser emitidas na atmosfera”, diz Alex Donatti, Diretor da Fábrica do BMW Group em Manaus.

E ele continua: “Trata-se de mais uma iniciativa da Planta Manaus alinhada com os objetivos da marca, que miram reduções na emissão de CO² por veículo em 80% na produção, 50% no uso e em 20% nos fornecedores, quando comparado com 2019”, afirma o executivo.

BMW C 400 X

LEIA MAIS:

Ações já desenvolvidas

Além do uso de energia solar, a fábrica do BMW Group em Manaus também conduz ações de reciclagem abrangendo 99% dos resíduos gerados, por meio do conceito ‘Zero Waste to Landfill’, isto é, sem resíduos encaminhados para aterros sanitários (os móveis da área de descanso, por exemplo, são produzidos a partir de paletes de madeira oriundos do processo industrial).

Juntam-se a isso workshops e outras ações com foco em soluções sustentáveis; uma estação de tratamento de efluentes; e um sistema de reuso da água da chuva para descargas sanitárias e limpeza de áreas externas.

BMW renova a F 900 GS/Adventure e a F 800 GS

A planta também funciona sob políticas de baixo consumo de água e energia, por meio de um monitoramento periódico e controlado por metas (KPIs), e de baixa emissão e contenção de poluentes, com base em uma estratégia global do grupo.

Siga a MOTOCICLISMO nas redes:
Instagram | Facebook | Youtube 
Twitter | GoogleNews

BMW aposta na sustentabilidade

A inauguração do prédio 3 da fábrica, em 2023, por exemplo, representou, além do ganho logístico, uma projeção de queda em torno de 35% nas emissões de CO² na distribuição de motocicletas.

Nesse sentido, a fábrica em Manaus, juntamente com a unidade fabril do BMW Group em Araquari (SC), utiliza energia de fontes renováveis e compensa proporcionalmente a emissão de CO² gerando energia limpa via Complexo Eólico de Morrinhos, em Campo Formoso (BA), iniciativa comprovada por meio da certificação I-REC.

Vale destacar que a Planta Manaus foi inaugurada em 2016, e atualmente dispõe de uma área de 15.000 m² e, com seus 10 modelos do portfólio: BMW C 400 X, BMW R 1250 GS Adventure, BMW R 1250 GS, BMW S 1000 RR, BMW G 310 GS, BMW G 310 R, BMW F 750 GS, BMW F 850 GS Adventure, BMW F 850 GS e BMW F 900 R, que respondem por 99% do mercado nacional da BMW Motorrad.

Planta Manaus da BMW investe em energia solar para 2024
Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]