Card image
Notícias
Honda registra no Brasil patente de uma nova CB

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 13/05/2019
  • Atualizado: 15/05/2019 às 13:46
  • Por: Marcelo Barros

Depois da BMW registrar a patente da inédita F 850 RS no Brasil, agora foi a vez a Honda registrar no mesmo Instituto Nacional da Propriedade Industrial, o INPI, uma nova motocicleta.

Neste caso, pelos desenhos da patente, divulgados pelo G1, é uma motocicleta urbana, monocilíndrica. Pelos desenhos é possível identificar o radiador do sistema de arrefecimento à líquido, o que indica uma moto com maior potência e eficiência do que as motos com motor arrefecido a ar, muito usado no Brasil nas motos de baixa cilindrada, pelo baixo custo.

nova cb, honda

Veja também:
A importância da moto na mobilidade urbana
CB 1000R: conheça a nova geração da supernaked da Honda
Tudo sobre os novos scooter Honda PCX Sport e DLX 2019

Começamos a analisar o que poderia ser e iniciamos com uma especulação incorreta de que poderia ser uma moto com cerca de 300 cm³ com alto desempenho, para ficar entre a CB 250 Twister e a CB 500F, motos que tem uma diferença de preço de R$ 10.860, o que justificaria a chegada de um “degrau”, como a Honda já fez com sucesso no Brasil com a XRE 190, entre as trail Bros 160 e a XRE 300.

Mas um leitor no Facebook nos ajudou a encontrar a moto correta! O desenho com visual mais esportivo se refere a CB 150R Streetfire. Sim, uma 150 com motor arrefecido a líquido! No mercado brasileiro, com exceção dos scooter, a menor moto com motor arrefecido a líquido das grandes fabricantes é a KTM 200 Duke. A Honda, caso apresente essa moto no Brasil, abre possibilidades de uma nova geração de motos com motor arrefecido a líquido. A Yamaha, por exemplo, tem muitas motos de baixa cilindrada com motores arrefecidos a líquido e poderia trazer para competir.

A patente não significa que a moto será lançada no Brasil. Porém, como a moto existe desde o fim de 2012 na Indonésia e passou pela última atualização em 2018, um facelift apenas, a chance da patente representar uma nova CB no Brasil é grande. Com essa novidade, a Honda aumentaria sua linha CB e traria uma alternativa de baixa cilindrada para quem não se satisfaz com a CG 160 Titan. Como é a moto mais vendida do Brasil, acreditamos que os planos de uma mudança radical como essa na popular CG Titan são… Zero!

Vamos aguardar mais novidades sobre esse projeto. Será que veremos essa moto entre as novidades da Honda na safra 2020 no próximo Salão Duas Rodas? Só nos resta aguardar!

nova cb, honda