YamahaRidingFeedbackSystem-2
Especiais

Yamaha traz ao Brasil sistema de feedback para pilotagem segura

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 04/02/2024
  • Por: Willian Teixeira

O Brasil será o segundo país a receber o Yamaha Riding Feedback System (YRFS), sistema que usa imagens e dados de telemetria nas aulas de pilotagem, visando aumentar a segurança dos motociclistas e disseminar a piloragem segura. O recurso foi desenvolvido pela marca dos diapasões no Japão, onde já é utilizado na Yamaha Riding Academy (YRA) desde 2021.

A nova ferramenta foi apresentada à imprensa no final de 2023, e MOTOCICLISMO esteve presente no evento em seu evento de demonstração. Segundo a Yamaha, o recurso será implementado a partir deste ano nos cursos para formação de instrutores da YRA Brasil ao longo de 2024 e, posteriormente, pode ser utilizada com os demais alunos da academia de pilotagem da marca japonesa.

E como funciona o Yamaha Riding Feedback System?

O sistema opera com um software exclusivo desenvolvido pela própria Yamaha, conectado a um dispositivo de GPS e câmeras posicionadas de forma estratégica. Estes vão monitorar a forma como o motociclista conduz a moto, verificando parâmetros como inclinação, aceleração, frenagem e postura.

LEIA MAIS:

Diga SIM À MOTOCICLETA!
Conheça 5 motos aptas a receber placa preta em 2024
MOTOCICLISMO 313: confira os destaques desta edição!

Com os dados coletados, é gerado um relatório com gráficos e fotos que vão exibir estes parâmetros a respeito da tocada. Com ele, os instrutores poderão dar um feedback mais preciso sobre os pontos onde o aluno performa bem e orientar onde existem pontos de melhoria, de modo que os motociclistas possam pilotar de forma segura e ao mesmo tempo eficiente, sempre mantendo total controle da moto.

“Hoje nos cursos os instrutores verificam alguma falha dos alunos e fazem uma observação individual ou coletiva. Com a ferramenta, teremos a condição de gerar um relatório. Assim, além de falar, poderemos mostrar a eles imagens e gráficos, facilitando a explicação”, destaca José Roberto Favaro, instrutor de pilotagem da Yamaha.

“Assim, conseguiremos dar um retorno mais preciso aos alunos, principalmente em pontos críticos, como curvas e frenagem, acelerando o processo de aprendizagem”, complementa Favaro.

Para as aulas que utilizam o Yamaha Riding Feedback System é montado um circuito de formato oval, de modo que os praticantes pilotem sempre em sentido anti-horário. A Yamaha destaca que este formato é bem simplificado para que seja colocado em ação em mais localidades de forma mais fácil e acessível, além de reproduzir algumas das principais manobras do cotidiano dos motociclistas, como saídas, conversões e frenagens durante o dia a dia. Uma bela iniciativa em prol de mais segurança em duas rodas.

Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]