BMW_Metzeler_expedicao_Chile_R1300GS-1
Especiais

BMW e Metzeler levam R 1300 GS ao topo de vulcão ativo no Chile

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 27/12/2023
  • Atualizado: 28/12/2023 às 9:20
  • Por: Redação

Pouco mais de dois meses após o lançamento da R 1300 GS, a BMW Motorrad levou a nova geração de sua maxitrail para uma expedição pela América do Sul. Entre os dias 6 e 7 de dezembro, um comboio formado por quatro unidades da big trail alemã – cuja produção está prevista para começar no Brasil a partir do 1º trimestre de 2024 – partiu do nível do mar rumo ao pico Ojos del Salgado, onde está localizado o vulcão ativo mais alto do mundo, no Chile.

A expedição – organizada pela marca alemã em parceria com a Metzeler – consistiu numa rota de aclimatação subindo o Circuito de los Seis Miles, nas encostas do Nevado Ojos del Salado, situado exatamente na fronteira entre a Argentina e o Chile. Com 6.891 metros, é o vulcão ativo mais alto do mundo, e o seu gémeo, o Nevado de Incahuasi, tem 6.610 metros de altura. A subida, que é considerada por especialistas como difícil para pilotos, motos e pneus, culmina na face norte do pico. Nesse sentido, os aventureiros subiram 6.006 metros de altitude, concluindo a expedição em apenas 19 horas e 22 minutos e atingindo uma altitude máxima de 6.027 metros.

LEIA MAIS:

Kawasaki Z900RS Cafe fica ainda mais elegante com nova pintura
MOTOCICLISMO Motocatálogo 2024 chega às bancas digitais – download grátis!
Coluna da Ju Corguinha: Planejamento de viagem? Temos!

E para a aventura, a BMW Motorrad optou por utilizar a configuração padrão da moto, alterando apenas os pneus. Saem os Metzeler Tourance Next 2 que são originais de fábrica para o modelo e entram os Metzeler Karoo 4, que vão bem em qualquer tipo de terreno, inclusive nas empreitadas mais off-road.

A subida ao Nevado Ojos del Salado é um desafio extremo tanto para o homem como para a nova geração da big trail da BMW Motorrad. É necessário um esforço físico e mental considerável dos participantes da expedição. Afinal, a subida deveria ser concluída em menos de 24 horas. Além disso, os participantes chegam a um ambiente acima de 5 mil metros muito inóspito ao ser humano. As temperaturas são muito baixas – cerca de -10 °C durante o dia e -20 °C à noite – e o teor de oxigénio é baixo.

A preparação a longo prazo e a aclimatação prévia à região são, portanto, essenciais. Nos dias que antecederam a expedição, foram montados vários acampamentos-base em diferentes altitudes e foi realizada uma simulação no Monte Etna, na Sicília, o vulcão ativo mais alto da Europa. Exames e verificações médicas específicas na Universidade de Enna, em cooperação com as autoridades sanitárias da província de Enna, também fizeram parte da preparação dos participantes da expedição.

A mais de 5.000 metros acima do nível do mar, o frio e a baixa pressão do ar impõem exigências particularmente elevadas ao controle eletrônico da mistura ar-combustível do motor Boxer, mas também a todos os outros componentes do veículo da nova BMW R 1300 GS. O chassis e os pneus também são postos à prova pelos terrenos variados com pistas pedregosas, estradas de terra, intermináveis ​​zonas arenosas e por vezes até gelo e neve.

Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]