Yamaha-PG13
Notícias

Yamaha PG-1: conheça a nova CUB com estilo aventureiro

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 01/12/2023
  • Atualizado: 22/12/2023 às 9:54
  • Por: Willian Teixeira

A Yamaha aproveitou a Thai Mono Expo, que segue até dia 12 de dezembro em Bangkok, para lançar a PG-1 no mercado local.

A nova CUB da marca dos diapasões tem visual aventureiro, com porte mais robusto do que os demais modelos do segmento, além de usar pneus aventureiros e ter traços de motocicletas do estilo scrambler.

Nova CUB aventureira da Yamaha tem visual aventureiro (Foto: Divulgação)

Na Tailândia, a novidade da Yamaha vai brigar por espaço com a CT 125 Hunter Cub, oferecida pela Honda no país e em outros grandes mercados mundo afora, dentre eles o japonês e o norte-americano. Neste último o modelo é comercializado com o nome de Trail 125 ABS.

PG-1 é oferecida pela Yamaha em quatro opções de cores (Foto: Divulgação)

A PG-1 está equipada com um motor monocilíndrico de 2 válvulas e 114 cm³ com refrigeração a ar, capaz de entregar potência máxima de 9 cv a 7.000 rpm e 0,9 kgf.m de torque em 5.500 giros. A transmissão é de 4 velocidades com embreagem automática.

LEIA MAIS:

Honda planeja reduzir preço e alavancar vendas de motos elétricas
MBP F125 2024, esportividade italiana em formato menor
Yamaha RayZR: novo scooter de entrada é lançado no EICMA

Apesar de ter um ar aventureiro, as suspensões da PG-1 não são tão diferenciadas no quesito curso. Elas usam garfo telescópico com 130 mm de curso na dianteira e braço oscilante de 109 mm na traseira.

PG-1 (Foto: Divulgação)

As rodas da Yamaha PG-1 são raiadas, medem 16 polegadas, e estão calçadas com pneus de uso misto na medida 90/100, enquanto os freios usam disco na frente e tambor atrás. O tanque comporta 5,1 litros de combustível, e a Yamaha declara 107 kg em ordem de marcha para a sua CUB aventureira.

PG-1 (Foto: Divulgação)

A PG-1 é oferecida pela Yamaha nas cores azul, amarela, cinza e preta. O modelo está disponível na Tailândia por 64.900 Bahts, algo em torno de R$ 9 mil em conversão direta.

Como a marca deixou de atuar no segmento CUB aqui no Brasil desde que o Crypton foi descontinuado, é quase certo que o modelo não será visto em nossas ruas.

Pequena CUB da Yamaha tem traços de moto scrambler (Foto: Divulgação)
Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]