b7d7e43e-9b39-4d99-8c99-05458ed4634e
Notícias

Ducati Streetfighter V4 Lamborghini se esgota em poucas horas

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 10/09/2022
  • Por: Willian Teixeira

Na última semana a Ducati deu início em sua World Première, série anual na qual a casa de Borgo Panigale apresenta seus lançamentos para a linha do próximo ano. E começou com muito estilo, pois a primeira motocicleta revelada é uma colaboração da marca italiana com outra fabricante de veículos bem diferenciada: a Lamborghini.

Os dois ícones da terra da Bota juntaram esforços para conceber a Streetfighter V4 Lamborghini, edição especial da hypernaked que terá apenas 630 unidades produzidas no mundo inteiro.

Ela também terá uma versão ainda mais exclusiva, com produção limitada em 63 unidades, a Speciale Clienti, unidades que poderão ser reservadas apenas por clientes especiais, que poderão customizá-las e ainda receberão alguns acessórios adicionais, como jaqueta e macacão.

Vale lembrar que esta é a segunda colaboração entre Ducati e Lamborghini, pois em 2022 as marcas já tinham lançado a Diavel 1260 Lamborghini, versão da motocicleta com inspiração no superesportivo Siàn FKP 37.

E a Ducati usou a mesma receita na Streetfighter V4 Lamborghini. Designers das duas marcas italianas colaboraram para dar origem a esta moto, dessa vez buscando inspiração no Huracán STO, supercarro da marca fundada por Ferruccio Lamborghini. As influências no modelo estão na pintura que mescla tons de verde metálico e vermelho, no para-lama dianteiro, na tampa do tanque de combustível e em diversos itens em fibra de carbono.

O assento da Ducati Streetfighter V4 Lamborghini também possui os mesmos detalhes bordados em vermelho utilizados no superesportivo. Outros itens exclusivos para a moto são os apoios de pés ajustáveis e os manetes de freio e embreagem feitos em alumínio usinado.

O pulsante coração da Ducati Streetfighter V4 Lamborghini

Para mover a exclusiva série limitada, a Ducati apostou no motor Desmosedici Stradale de 1.103 cm³, usina caracterizada pela distribuição desmodrômica com quatro válvulas por cilindro e ignição TwinPulse derivada da MotoGP. A usina entrega insanos 208 cv de potência máxima e torque de 20,7 kgf.m em 9.500 rpm.

Entre as mudanças para o motor da Streetfighter V4 Lamborghini estão a embreagem seca, igual as das motos de competição, além do silenciador em titânio Akrapovic com fibra de carbono.

Os freios utilizam componentes Brembo, com discos duplos de 300 mm na dianteira. As suspensões são as mesmas da Streetfighter V4 SP, assinadas pelos suecos da Öhlins, trazendo garfo dianteiro NIX-30 e amortecedor traseiro TTX36, controladas pelo sistema Smart EC 2.0 de segunda geração. O peso em ordem de marcha da Ducati Streetfighter V4 Lamborghini é de 197,5 kg.

A Ducati Streetfighter V4 Lamborghini é fornecida com uma série de acessórios que aumentam seu apelo e facilidade de configuração para uso em pista. Dentre eles temos tampa em fibra de carbono aberta para a embreagem seca, tampas para remoção da placa e retrovisores, tampa de combustível de corrida e uma tampa da motocicleta na mesma cor da carroceria.

O equipamento é complementado por um certificado de autenticidade em alumínio, no qual são indicados os números do quadro e do motor, para garantir a originalidade da moto e sublinhar ainda mais a sua exclusividade.

Gostou? Pois saiba que já acabou…

É isso mesmo: nem mesmo a pedida de US$ 68 mil pela versão simples e de R$ 83 mil por uma das 63 unidades da versão Speciale Clienti serviram de obstáculo para os fãs da Ducati e da Lamborghini. De acordo com a marca de Borgo Panigale, todas elas se esgotaram em poucas horas.

Sorte daqueles que possuem uns R$ 350 mil na carteira e podem gastar como bem entenderem!

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas mídias sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]