Card image
Notícias
Curtiss Motorcycles anuncia moto V8 elétrica

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 27/08/2018
  • Atualizado: 27/08/2018 às 16:26
  • Por: Carlos Bazela

Curtiss, Hera, moto v8 elétrica, moto elétrica, Curtiss Motorcycles, Confederate Motorcycles, EUA, Harley-Davidson, LiveWire, Zero, motor elétrico, E-Twin, V8, moto V8, Glenn Curtiss, recorde de velocidade, confederate, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Zeus, Matt Chambers, Birmingham, Alabama, Estados UnidosA Curtiss Motorcycle, que uma vez foi a Confederate e agora se dedica à criação de motos elérticas, divulgou uma imagem da Hera, sua “V8 elétrica”. De acordo com Jordan Cornille, diretor de design da marca, a moto é uma homenagem ao modelo, que bateu recorde de velocidade em janeiro de 1907 pelas mãos de Glenn Curtiss, de quem a fabricante herda o nome. A moto, que utilizava a arquitetura de oito cilindros em “V”, bateu maisde 260 km/h em Ormond Beach, na Florida.

Para conseguir completar a homenagem, o pessoal da Curtiss utilizou as baterias de íon de lítio para simular o V8. No desenho, ainda é possível reconhecer alguns elementos de design da marca que são utilizados desde os tempos de Confederate, como os “arcos” espessos formando o garfo dianteiro.

Veja também:
Curtiss Motorcycle revela protótipo da elétrica Zeus
Primeira moto da Curtiss Motorcycles já tem data para sair
Confederate apresenta sua última moto

Curtiss, Hera, moto v8 elétrica, moto elétrica, Curtiss Motorcycles, Confederate Motorcycles, EUA, Harley-Davidson, LiveWire, Zero, motor elétrico, E-Twin, V8, moto V8, Glenn Curtiss, recorde de velocidade, confederate, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Zeus, Matt Chambers, Birmingham, Alabama, Estados Unidos“Com a Hera, planejamos criar a motocicleta mais luxuosa do mundo. Ela traz pela primeira vez na história uma arquitetura de bateria V8, um motor E-Twin ultra-poderoso, mas refinado, e uma distância entre eixos de 66 polegadas para criar uma categoria própria”, comenta Matt Chambers, o CEO da marca. A Hera, cujos dados técnicos não foram divulgados, deve chegar ao mercado apenas em meados de 2020.

Atualmente, a Curtiss está se preparando para lançar a Zeus, sua primeira moto sob o novo nome. Por enquanto, tudo que se sabe sobre o modelo é que ela conta com dois motores ZF da Zero Motorcycles, sendo que cada um deles produz 70 cv de potência e 16 kgf.m de torque. Mas, a marca norte-americana sediada em Birmingham, no Estado do Alabama, deverá lançar a Zeus já no ano que vem para aproveitar o hype da chegada da Harley-Davidson LiveWire ao mercado.