Scooter bem cuidado para você ir além
Notícias

5 cuidados que você precisa ter com seu scooter

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 13/03/2022
  • Por: Redação

Em alta no mercado brasileiro, o segmento de scooters cresceu mais de 40% em 2021 em relação ao registrado em 2020, com 107 mil unidades licenciadas no período, segundo a Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares).

Por ter particularidades em relação às motocicletas convencionais, os scooters requerem alguns cuidados redobrados.

Dicas de como cuidar melhor do seu scooter

Os scooters tem a estrutura diferente das motos convencionais. Confira algumas dicas importantes de como preservar seu scooter.

Acompanhe:

1 – Verifique regularmente o fluido de freios: De acordo com Marcelo Rocha, engenheiro de aplicações da Motul, os scooters têm entre suas principais particularidades a transmissão automática por CVT, sem uso do manete de embreagem, cujo objetivo é propiciar um meio de transporte de fácil pilotagem e mobilidade. “Devido ao tipo de transmissão, os scooters não contam com uma atuação significativa do freio motor na maioria das frenagens, o que sobrecarrega o sistema de freios, solicitando mais do fluido que outras motocicletas urbanas”, explica o especialista;

2 – Fique atento ao nível do fluido de arrefecimento: Outra especificidade do segmento é a posição do motor, que fica enclausurado na parte traseira da motocicleta, embaixo do banco do piloto. Dessa forma, os motores dos scooters dispõem de baixa refrigeração por ar, o que provoca um elevado estresse no sistema de arrefecimento, também exigindo mais do respectivo fluido. Como apenas o radiador de óleo não é suficiente, essas motos possuem, ainda, refrigeração a água para garantir o controle da temperatura mesmo em deslocamentos a baixas velocidades;

3 – Em caso de uso intenso, siga o plano de manutenção severo: O engenheiro afirma que todos os itens de manutenção preventiva sempre devem ser revisados conforme a tabela descrita no manual do proprietário. “É fundamental seguir corretamente as especificações da revisão e atentar para o regime de uso da motocicleta. Em caso de utilização urbana intensa, considere a adoção do plano de manutenção severo, que pode encurtar pela metade o intervalo de revisão”, orienta;

4 – Limpe regularmente a carenagem para evitar sua deterioração: Em razão da maior quantidade de peças plásticas na carenagem, os scooters também demandam alguns cuidados especiais para que não sofram deterioração com as intempéries;

5 – Redobre a atenção durante frenagens e inclinações: Os scooters exigem atenção redobrada na condução. É necessário ter cuidado nas frenagens porque essas motocicletas não possuem o auxílio das reduções de marcha, de modo a se aproveitar do freio motor para diminuir a velocidade. Outra atenção é na hora de realizar curvas com altas inclinações para evitar encostar no chão a carenagem, que é projetada para ser larga e baixa com o objetivo de abrigar as pernas do condutor.

  • Voltz EV1
  • emplacamentos de motocicletas no 1º semestre

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas mídias sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Deixe seu Comentário

Conteúdo Recomendado

Comentários

[Fancy_Facebook_Comments_Pro language="pt_BR"]