Card image
Competições
Rafael Paschoalin vai disputar Pikes Peak mais uma vez

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 11/02/2019
  • Atualizado: 11/02/2019 às 17:15
  • Por: Carlos Bazela

Na última semana, a Yamaha apresentou suas equipes oficiais no off-road, motovelocidade e também anunciou que Rafael Paschoalin segue com o patrocínio da marca para tentar mais uma vez conquistar o topo do monte Pikes Peak, na tradicional prova de hill climb, que acontece em 30 de junho, no Estado norte-americano do Colorado.

Será a quarta participação do piloto brasileiro, que também é embaixador da Yamaha Brasil, depois de chegar ao pódio ano passado, no terceiro lugar da categoria Middleweight. “Contando os dias para subir essa montanha a milhão mais uma vez!! Vamos de Yamaha MT-07 em 2019”, comentou o piloto em sua página oficial no Facebook. Além de Paschoalin, a lenda do Motocross Freestyle, Jorge Negretti, também segue como embaixador da marca dos diapasões

Yamaha, competições, YZF-R3, superesportiva, esportiva, moto, bLU cRU, motovelocidade, off-road, Yamaha O2BH Racing, Yamaha Monster Energy Geração, Campeonato Brasileiro de Regularidade, Enduro FIM, Yamahalube R3 Cup, MX-1, MX-2, Arena Cross, Eliton Kawakami, MS Racing, Pikes Peak, rali, WSSP300, ISDE, International Six Days Enduro, Yamaha, MT-07, Rafael Paschoalin, hill climb, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, Superbike Brasil

Veja também:
Paschoalin completa Pikes Peak com Yamaha MT-09
Ton Kawakami vai competir no Mundial Supersport 300 em 2019
Yamaha inova com o bLU cRU, programa de incentivo para pilotos

Outro piloto que terá status de embaixador da Yamaha é Eliton Kawakami, que irá competir no Mundial de Supersport 300 (WSSP300), pela MS Racing. Kawakami estará ao guidão de uma YZF-R3 especialmente preparada para a competição. Já aqui no Brasil, a esportiva de entrada da marca continua em destaque na Yamalube R3 Cup. Para 2019, a modalidade, conhecida por revelar jovens pilotos e que acontece dentro do Superbike Brasil,  terá a categoria Master, destinada para pilotos com mais de 35 anos, a nova divisão irá premiar os cinco primeiros colocados.

Yamaha, competições, YZF-R3, superesportiva, esportiva, moto, bLU cRU, motovelocidade, off-road, Yamaha O2BH Racing, Yamaha Monster Energy Geração, Campeonato Brasileiro de Regularidade, Enduro FIM, Yamahalube R3 Cup, MX-1, MX-2, Arena Cross, Eliton Kawakami, MS Racing, Pikes Peak, rali, WSSP300, ISDE, International Six Days Enduro, Yamaha, MT-07, Rafael Paschoalin, hill climb, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, Superbike Brasil

Off-road

Nas competições fora do asfalto, a Yamaha segue dividida em dois times oficiais. Pela Yamaha Monster Energy Geração, teremos Carlos Campano, atual campeão brasileiro na MX-1 e a chegada do português Paulo Alberto, que chega ao time já carregando consigo o vice-campeonato brasileiro na MX-1 e o troféu de campeão na categoria Arena Cross.

Já na categoria MX-2, a equipe terá Fábio Santos disputando o brasileiro e o catarinense da modalidade, enquanto Thallys Nathan representa o time na MX2 Jr nos campeonatos brasileiro, pernambucano e no Campeonato Brasil Nordeste de Motocross. Enquanto isso, Ricardo Martins segue o homem ao guidão da WR 450F nas competições de rali, como o Campeonato Brasileiro e o Rally dos Sertões.

Yamaha, competições, YZF-R3, superesportiva, esportiva, moto, bLU cRU, motovelocidade, off-road, Yamaha O2BH Racing, Yamaha Monster Energy Geração, Campeonato Brasileiro de Regularidade, Enduro FIM, Yamahalube R3 Cup, MX-1, MX-2, Arena Cross, Eliton Kawakami, MS Racing, Pikes Peak, rali, WSSP300, ISDE, International Six Days Enduro, Yamaha, MT-07, Rafael Paschoalin, hill climb, motociclismo, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, Superbike Brasil

O outro time da marca, o Yamaha O2BH Racing, vem com Jomar Greco para disputar o Campeonato Brasileiro de Regularidade, os Campeonatos Capixaba de Enduro FIM e de Regularidade, além do Ibitipoca Off-Road e do Enduro da Independência. Rômulo Bôttrel vem em busca do título no Brasileiro de Enduro FIM e da medalha de ouro no ISDE (International Six Days Enduro).

A equipe ainda contará com o jovem Patrick Capila no Campeonato Brasileiro de Enduro, e com Fábio Coelho do Amaral, que disputará os Campeonatos Brasileiro e Mineiro de Regularidade, o Enduro da Independência e o Ibitipoca Off-Road.

Expansão do bLU cRU

A Yamaha ainda confirmou que seguirá a todo vapor com o programa de incentivo para novos pilotos bLU cRU, que teve seu teto de incentivos financeiros aumentado em 2019: passou de R$ 250.200 para R$ 563.700. Segundo a marca, este incentivo é fundamental para que possam não só evoluir, como viabilizar a prática do motociclismo esportivo. Tanto no off-road, como na motovelocidade.

Fotos: Larry Chen / Yamaha – Divulgação