Triumph testa motor da Moto2 com Daytona 765

Autor: Carlos Bazela


Triumph Daytona 765 protótipo Motociclismo OnlineOs treinos da etapa espanhola do Mundial de Motovelocidade começam na sexta-feira, dia 22 de setembro, mas a Triumph já está lá testando o motor tricilíndrico de 765 cm³, que estará nas máquinas da Moto2 a partir de 2019. O programa de desenvolvimento deverá se estender até junho do ano que vem, quando o primeiro lote de propulsores para a categoria será entregue.

A melhor parte é que a Triumph está fazendo os testes com uma versão protótipo da superesportiva Daytona. Embora nada tenha sido confirmado pela marca inglesa, o fato ajuda a alimentar a especulação de uma vindoura “Daytona 765”. Principalmente pelo fato desse motor já equipar a naked Street Triple.

O modelo está nas mãos do piloto Julian Simon, que foi campeão mundial nas motos de 125 cm³ e com experiência na categoria de acesso à MotoGP. “Eu estou muito feliz de estar aqui em Aragón ajudando no desenvolvimento do motor 2019 da Moto2 com a Triumph. Eu vejo uma grande melhora em relação ao motor mais recente. Tem bastante potência e o câmbio e o som são fantásticos. Para mim, é diversão” disse o piloto.

Motor Triumph Daytona 765 protótipo Motociclismo OnlineEntre as mudanças já realizadas pela Triumph no conjunto estão a novas cabeças dos cilindros, válvulas de admissão e escape revisadas para melhorar o fluxo de combustível, alterações nas tampas para reduzir a largura do motor e uma embreagem deslizante desenvolvida para competições. O resultado de tudo isso nós veremos nas corridas da Moto2 em 2019.

Mas, uma Daytona repaginada com o novo propulsor pode aparecer ainda neste ano, durante o EICMA, o Salão de Motos de Milão, como aconteceu com a atual geração da superbike peso-médio, em 2012.

.


Comentários