Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Motorista, atropelou Nicky Hayden, condenado, sentença, recurso, Itália, bicicleta, motos, Nicky Hayden, MotoGP, motovelocidade, Ducati, Mundial de Motovelocidade, Mundial de Superbike, piloto, Tommy Lee, estátua, homenagem, Laguna Seca, Owensboro, Kentucky Kid, Kentucky, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo

Motorista que atropelou Nicky Hayden é condenado

Autor: Carlos Bazela


Motorista, atropelou Nicky Hayden, condenado, sentença, recurso, Itália, bicicleta, motos, Nicky Hayden, MotoGP, motovelocidade, Ducati, Mundial de Motovelocidade, Mundial de Superbike, piloto, Tommy Lee, estátua, homenagem, Laguna Seca, Owensboro, Kentucky Kid, Kentucky, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo

O motorista que atropelou o ex-piloto norte-americano da MotoGP, Nicky Hayden, enquanto ele andava de bicicleta na Itália, em 2017, foi condenado a um ano de prisão pela corte de Rimini, de acordo com informações do site inglês Visor Down. A sentença foi divulgada mais de um ano após o incidente e a decisão permite recurso, que deverá ser entregue ao juiz em 30 dias.

Além de ir preso, o motorista de 31 anos terá de pagar os custos do processo e teve sua habilitação para dirigir revogada. O réu ainda está respondendo a um processo civil movido pela família de Hayden no valor de seis milhões de dólares, o que equivale a mais de R$ 22 milhões.

Veja também:
Estátua de Nicky Hayden é inaugurada nos EUA
Nicky Hayden vai ganhar estátua nos EUA
MotoGP tem vitória de Márquez e homenagem a Hayden nos EUA

O advogado dele, Pierluigi Autunno, já avisou que vai recorrer. “Tem sido um drama para duas famílias”, disse ele. “Nós acreditamos que meu cliente fez de tudo para evitar o acidente e nós vamos apelar”, concluiu o advogado.

Hayden foi atingido pelo carro após passar direto por um sinal de parada obrigatória enquanto andava de bicicleta pela região italiana. A corte de Rimini condenou o motorista após ouvir especialistas, que constataram que ele dirigia a 70 km/h em uma área onde o máximo permitido era 50 km/h. O juiz entendeu que se estivesse dentro do limite de velocidade, o motorista poderia ter evitado o acidente. O piloto faleceu após cinco dias no hospital por conta dos ferimentos.

Em 2006, Nicky Hayden foi campeão mundial de MotoGP pela Honda e entre 2009 e 2013 pilotou pela Ducati. Hayden migrou para o Mundial de Superbike em 2016, onde competia pela Honda até o dia em que morreu, em maio do ano passado, aos 35 anos. No meio do ano, o piloto ganhou uma estátua em sua cidade natal, Owesboro, que fica no Estado norte-americano do Kentucky e lhe conferiu o apelido de Kentucky Kid.

Comentários


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!