Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Motos, Kawasaki, Kawa, naked, retrô, Z900RS, Z900RS Café, tetracilíndrico, Salão Duas Rodas, EICMA, Salão de Milão, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, motociclismo, Z900, preço, Brasil, EUA, Estados Unidos

Kawasaki Z900RS Café já tem preço nos EUA

Autor: Carlos Bazela


Motos, Kawasaki, Kawa, naked, retrô, Z900RS, Z900RS Café, tetracilíndrico, Salão Duas Rodas, EICMA, Salão de Milão, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, motociclismo, Z900, preço, Brasil, EUA, Estados UnidosPara a felicidade dos motociclistas dos Estados Unidos, a versão café racer da Kawasaki Z900RS está aportando por lá, seguindo o rastro do modelo convencional da naked retrô, já vendida no País. A notícia não tão boa é que a moto equipada com a estilosa bolha ao redor do farol e um assento levemente esportivo, guidão e escape diferenciados será vendida em tiragem limitada. A marca verde ainda não especificou de quantos exemplares será limitada a produção vendida nos EUA.

Entretanto, já sabemos o preço. A Kawasaki Z900RS Café custa 11 499 dólares na terra do Tio Sam, o que corresponde mais ou menos R$ 41 500. A moto é 300 dólares mais cara do que a Z900RS convencional com pintura em dois tons, que é vendida á por 11 199 dólares (cerca de R$ 40 500). A diferença é uma boa base para se ter uma ideia do preço, caso a Kawa disponibilize o modelo customizado, apresentado no EICMA, o Salão de Milão em novembro passado, aqui no Brasil também, o que não há nada confirmado.

Motos, Kawasaki, Kawa, naked, retrô, Z900RS, Z900RS Café, tetracilíndrico, Salão Duas Rodas, EICMA, Salão de Milão, Revista Motociclismo, Motociclismo Online, motociclismo, Z900, preço, Brasil, EUA, Estados UnidosJá o modelo convencional virá para cá. No último Salão Duas Rodas, a Kawasaki confirmou que a Z900RS será vendida no Brasil e chega no segundo semestre já como modelo 2019. A data e o preço, contudo, permanecem um mistério. Para se fazer uma comparação nos valores, a Z900 convencional custa menos do que a moto retrô nos EUA, o que deve acontecer aqui também. Lá, a moto é comercializada por 8 799 dólares já com freios ABS e aqui sai por R$ 41 900 na mesma configuração.

O modelo, que presta homenagem à Z1, precursora da famosa linhagem de nakeds da marca verde, reúne modernidades como o propulsor injetado, freios ABS, embreagem deslizante e controle de tração em dois níveis com visual que parece saído diretamente das ruas da década de 1970. Já o coração da Z900RS é o mesmo tetracilíndrico de 948 cm³ arrefecido a líquido com comando duplo no cabeçote (DOHC). Mas, com potência máxima reduzida de 125 para 111 cv a 8.500 rpm, enquanto o torque máximo se mantém nos 10 kgf.m da Z900 que conhecemos, mas chega mais cedo, aos 6.500 giros.

Comentários


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!