Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Triumph revela nova geração da Speed Triple

Autor: Motociclismo


O Salão de Milão se aproxima, e algumas das novidades que serão apresentadas por lá começam a ser reveladas, como a renovação da naked Speed Triple, da Triumph, revelada nesta terça-feira (10). 

Triumph Speed Triple S

A conhecida streetfighter inglesa chega em duas versões: S e R. O motor segue sendo o tricilíndrico de 1 050 cm³, mas, segundo a fábrica, ele recebeu 104 inovações com o objetivo de conseguir mais torque em toda a faixa de rotações, um consumo até 10% menor e menor emissão de poluentes.

Entre todas essas novidades, algumas das mais relevantes são câmara de combustão, cabeçote, virabrequim, pistões e corpos de injeção totalmente reformulados. O sistema de escape também é novo, assim como a embreagem ( que  agora conta com slip-assist),  e o radiador, que está menor mas mais eficiente.

Triumph Speed Triple R

Apesar disso, é na eletrônica que a nova Speed Triple mais evoluiu. Entre os recursos que ampliam a capacidade da naked estão uma nova ECU aliada a um novo acelerador Ride-by-Wire ajustável com mapas de aceleração selecionáveis. São cinco modos diferentes de pilotagem à disposição: Road, Rain, Sport, Track e Rider, que permite que o piloto configure a motocicleta às condições da estrada ou do clima.

A ciclística evoluiu na mesma proporção, adotando um novo quadro e sistema de freio com pinças Brembo monobloco de fixação radial e ABS que também pode ser ajustado.  Nas suspensões, o destaque vai para a versão R que traz suspensões Öhlins top de linha (garfo NIX30 e amortecedor TTX36 RSU). Mais compacta, a distância entre eixos diminuiu 20 mm.

Esteticamente a moto preserva a essência do modelo anterior, mas com detalhes que a deixam  mais atual e ressaltam seu apelo agressivo. Os faróis estão mais estilizados e incorporam luzes diurnas (DRL) enquanto a rabeta é claramente inspirada na da Daytona 675R.

O motor tricilíndrico continua sendo elástico e tendo alto desempenho

Assim, com essa atualização mecânica e, especialmente, na eletrônica, a Triumph colocou a sua radical naked alinhada com o que há de mais atual no mercado. Assim que possível faremos um teste completo para sentir o que efetivamente essas novidades representam na prática. Na tabela abaixo mostramos o que mudou nas novas Speed Triple.

Speed Triple S

Speed Triple R
As novas especificações incluem: Além das especificações técnicas da Triple S:

-Motor tricilíndrico com 104 inovações
-Melhor distribuição de torque por toda a faixa de rotações
-Aceleração Ride-by-Wire
- Cinco modos de pilotagem, incluindo o modo Track
-ABS selecionável pelo piloto
-Controle de tração selecionável pelo piloto, vinculado aos modos de pilotagem
-Novos faróis DRL
-Pinças de freio dianteiro monobloco Brembo
-Suspensão totalmente ajustável, dianteira e traseira
-Radiador remodelado e mais estreito
-Protetores do radiador, quadro traseiro e silenciadores re-estilizados
-Opção de duas cores: Diablo Red (vermelho) ou Phantom Black (preto)

-Para-lama dianteiro de fibra de carbono
-Painéis do tanque de combustível de fibra de carbono
-Suspensão totalmente ajustável de especificação superior:
-Garfo invertido Öhlins NIX30
-RSU (Unidade de Suspensão Traseira) Öhlins TTX36
-Opção de dois esquemas de pintura e detalhes personalizados: Crystal White (branco) ou Matt Graphite (cinza)
-Subquadro pintado de vermelho, rodas listradas, carenagem do radiador
-Banco com detalhes em costura vermelha

 


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!