Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Sergio Hinds, O Terço, guitarrista, músico, Espaço Motociclismo, moto, Brasil, rock nacional, BMW, R 1100 RT, motocicleta, Harley-Davidson, Flathead, Flávio Venturini, Sérgio Magrão, Fred Barley, rock progressivo, Criaturas da Noite, CD, Disco, Blu-ray, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, livro, Espaço Motociclismo, Sambódromo do Anhembi, Electra Glide

Rock e moto: a combinação perfeita

Autor: Carlos Bazela


Sergio Hinds, O Terço, guitarrista, músico, Espaço Motociclismo, moto, Brasil, rock nacional, BMW, R 1100 RT, motocicleta, Harley-Davidson, Flathead, Flávio Venturini, Sérgio Magrão, Fred Barley, rock progressivo, Criaturas da Noite, CD, Disco, Blu-ray, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, livro, Espaço Motociclismo, Sambódromo do Anhembi, Electra Glide

Sempre me perguntei o motivo da atração de coisas aparentemente diferentes. Por exemplo, quem gosta de moto, geralmente adora o rock. E o pessoal do rock adora a motocicleta. Para tentar entender o que une o rock ‘n’roll e a motocicleta, falamos com Sergio Hinds, um dos maiores representantes dessa bem-sucedida união. Ele é publicitário, compositor, músico, jornalista, radialista, escritor, palestrante e agora também candidato a deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Apesar de tantas atividades, Hinds costuma se apresentar como um amante da boa música e das motocicletas. Continua até hoje como guitarrista e cantor da banda “O Terço”, ao lado de Flávio Venturini, Sérgio Magrão e Fred Barley.

O polivalente Sergio Hinds já teve uma história com a MOTOCICLISMO, quando emprestou a sua Harley-Davidson Flathead, ano 1940, para avaliarmos. Olha que isso aconteceu nos idos 1998, primeiro ano da revista. Sergio tinha comprado a moto quatro anos antes da reportagem e resolveu restaurá-la, apesar de aperfeiçoar alguns sistemas. Por exemplo, para rodar mais tranquilamente, Sergio instalou um pedal de câmbio como nas motocicletas modernas, mantendo, porém, a alavanca no tanque (e todo o acionamento manual) para poder voltar à originalidade da sua moto a qualquer momento.

Sergio Hinds, O Terço, guitarrista, músico, Espaço Motociclismo, moto, Brasil, rock nacional, BMW, R 1100 RT, motocicleta, Harley-Davidson, Flathead, Flávio Venturini, Sérgio Magrão, Fred Barley, rock progressivo, Criaturas da Noite, CD, Disco, Blu-ray, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, livro, Espaço Motociclismo, Sambódromo do Anhembi, Electra Glide

Veja também:

Supla agita Espaço Motociclismo com muito rock’n’roll

Final do Motor Music encerra Espaço Motociclismo de 2017

Dez motos de atitude pra curtir o Dia do Rock

Hoje, o músico roda com uma BMW R 1100 RT. Está na sua quadragésima segunda moto, das quais, dez foram Harley-Davidson e duas BMW. Ele explica essa atração entre a máquina e a música: “A música, especialmente o rock, traz uma sensação de liberdade, a busca constante pela natureza, os cheiros, o céu. Toda essa mistura de sensações cria uma paixão única, fundida”.

Sergio Hinds, O Terço, guitarrista, músico, Espaço Motociclismo, moto, Brasil, rock nacional, BMW, R 1100 RT, motocicleta, Harley-Davidson, Flathead, Flávio Venturini, Sérgio Magrão, Fred Barley, rock progressivo, Criaturas da Noite, CD, Disco, Blu-ray, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, livro, Espaço Motociclismo, Sambódromo do Anhembi, Electra Glide

Na opinião de Hinds, rock sempre foi a música de protesto do jovem, em muitas gerações. Cabelo comprido, calças jeans, casaco de couro. O motociclista se identifica porque também é considerado um transgressor de regras, mesmo que ele cumpra tudo com segurança. Pois o seu veículo já é diferente, com duas rodas. O motociclista precisa de vestimentas especiais e de amigos, como os músicos do rock. Por isso, as viagens em grupo estão entre as suas maiores realizações. Uma infinidade de motoclubes foi criada para que esses apaixonados se reúnam, viajem, mantendo como pauta sempre a motocicleta.

Sergio Hinds também contribui com o nosso Espaço MOTOCICLISMO, que acontece dentro do AutoShow Collection no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo (SP), todas as terças-feiras a partir das 18h. Ele tocou lá, recentemente, durante a apresentação da Orquestra de Bateras 100% Brasil e da Banda Brotheria, quando quase 30 bateristas acompanharam as atrações musicais. De arrepiar! Ele costuma utilizar frases positivas nos work­shops, resumindo a experiência de 69 anos de vida.

Sergio Hinds, O Terço, guitarrista, músico, Espaço Motociclismo, moto, Brasil, rock nacional, BMW, R 1100 RT, motocicleta, Harley-Davidson, Flathead, Flávio Venturini, Sérgio Magrão, Fred Barley, rock progressivo, Criaturas da Noite, CD, Disco, Blu-ray, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, livro, Espaço Motociclismo, Sambódromo do Anhembi, Electra Glide

O mais importante é buscar o estímulo. É trabalhar a mente sempre se empolgando com aquilo que se projeta fazer”, diz Hinds, que complementa: “Para encararmos os desafios da vida precisamos buscar os estímulos. Eles serão as molas mestras que farão todo o nosso corpo trabalhar de forma harmônica para atingirmos nossos objetivos e realizarmos os nossos sonhos. Se tivermos projetos e trabalharmos naquilo que gostamos, se tivermos sonhos e acreditarmos neles, se nos relacionarmos bem com as pessoas que amamos e aquelas com quem trabalhamos, de coração aberto, sem querer nada em troca, certamente encontraremos a felicidade. As realizações vêm a reboque.”

Sérgio também adora cavalos e considera a moto o seu “cavalo de aço”: “Muito mais justo usar a moto do que montar em um animal tão lindo e tão livre por natureza”.

FICHA TÉCNICA:

  • Sergio Hinds é diretor da Hinds Produções Artísticas, agência de propaganda e produtora de som.
  • Gravou 21 CDs, 3 DVDs e um Blu-Ray em 3D.
  • Entre as músicas principais estão: Hey Amigo e 1974, do álbum “Criaturas da Noite”; e Adormeceu e Lagoa das Lontras, do “Terço”.
  • Além dos shows, ministra workshops de motivação em empresas e escolas com os temas “A Técnica do Sentimento” e “Transforme o Problema em Desafio”, ensinando mecanismos para que os profissionais de qualquer área possam se beneficiar colocando mais motivação, emoção e sentimento em tudo que fazem.
  • Lançou o livro “Transforme o Problema em Desafio”.

Texto: Isabel Reis
Fotos: Arquivo pessoal

Comentários


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!