Responsive Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

MotoGP, Mundial de Motovelocidade, motos, motovelocidade, competições, Suzuki, Suzuki Ecstar, Montmeló, Catalunha, Espanha, Américas, Aprilia, GSX-RR, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo, Honda, Ducati, Yamaha, Movistar, Repsol, Pramac, Avintia, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Tito Rabat, Cal Crutchlow, Valentino Rossi, Hafizh Syahrin, Johann Zarco, Danilo Petrucci, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Assen, corrida, Holanda, liderança, Alemanha, Sachsenring, Alma Pramac, Ducati Pramac, Angel Nieto Team, Karel Abraham, Alvaro Bautista, Desmosedici GP, RC213V, RC213V

MotoGP: O destino de Dani Pedrosa

Autor: Carlos Bazela


MotoGP, Mundial de Motovelocidade, motos, motovelocidade, competições, Suzuki, Suzuki Ecstar, Montmeló, Catalunha, Espanha, Américas, Aprilia, GSX-RR, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo, Honda, Ducati, Yamaha, Movistar, Repsol, Pramac, Avintia, motociclismo, Motociclismo Online, Revista Motociclismo, Tito Rabat, Cal Crutchlow, Valentino Rossi, Hafizh Syahrin, Johann Zarco, Danilo Petrucci, Dani Pedrosa, Maverick Viñales, Assen, corrida, Holanda, liderança, Alemanha, Sachsenring, Alma Pramac, Ducati Pramac, Angel Nieto Team, Karel Abraham, Alvaro Bautista, Desmosedici GP, RC213V, RC213VQuem acompanha o Mundial de Motovelocidade terá mais um motivo para ficar ligado no GP da Alemanha, que acontece no circuito de Sachsenring no próximo dia 15 de julho. Na quinta-feira que antecede os treinos livres oficiais da MotoGP, o piloto Dani Pedrosa, da Repsol Honda, irá participar de uma coletiva de imprensa onde finalmente revelará o que vai fazer depois que esta temporada terminar.

O espanhol pegou todo mundo de surpresa ao anunciar que sairia da equipe após uma parceria de 20 anos com a Honda e os dias que se seguiram form de dança das cadeiras na MotoGP, com muitos pilotos revelando as novas equipes mesmo com o campeonato não estando nem na metade. Entre eles estão, Jorge Lorenzo, que sai da Ducati para substituir Pedrosa na Honda ao lado de Marc Márquez e Andrea Iannone, que vai para a Aprilia e cederá seu lugar na Suzuki Ecstar para Joan Mir. Danilo Petrucci, que atualmente compete pela Alma Pramac, equipe satélite da Ducati, ocupará o assento deixado por Lorenzo na Desmosedici GP de fábrica.

Sobre Pedrosa, muitas especulações têm surgido no paddock nesse um mês após o anúncio. Os rumores vão desde aposentadoria até a ida para o Mundial de Superbike, como fez o saudoso Nicky Hayden. Entretanto, o boato que mais tem ganhado força nos últimos dias é que o piloto irá para a equipe SIC Yamaha, uma nova satélite da marca japonesa com o patrocínio da petroleira Petronas, feita sobre as bases da Angel Nieto Team eque chega para ocupar o espaço que a Tech 3 deixará ao fim da temporada 2018. A MOTOCICLISMO Espanha diz ainda que o novo time está já tem como certo o piloto italiano Franco Morbidelli, que é filho de mãe brasileira e já esteve por aqui no ano passado.

A especulação faz sentido, pois o que se diz é que a nova satélite terá o mesmo nível de apoio da fábrica que a equipe oficial e Pedrosa seria crucial para fazer o que fazia na Honda: desenvolver a moto. Afinal, nesta temporada, tem ficado claro que a YZF-M1 está precisando de uma força extra para voltar a andar na frente da RC213V– que o espanhol conhece muito bem – e da Desmosedici GP.  Saberemos finalmente como a novela termina em pouco mais de uma semana.

Comentários


Motociclismo Online

Motociclismo Online

error: Content is protected !!